+55 (61) 3554-5109      abep@abep-tic.org.br
29/06/2021 - 07:47h 727

GTD.GOV conquista premiação em evento mundial de governo digital

Pesquisa feita sobre os avanços tecnológicos nos Portais de Serviços do governo foi premiada durante a 22ª Conferência Internacional Anual sobre Pesquisa em Governo Digital (dg.o 2021)
GTD.GOV conquista premiação em evento mundial de governo digital

Após seleção rigorosa pelos mais importantes nomes de transformação digital do mundo, a pesquisa "Challenges of Brazilian Subnational Government Service Portals" recebeu o prêmio de “The Best Poster” durante a 22ª Conferência Internacional Anual sobre Pesquisas em Governo Digital - dg.o 2021. A pesquisa explorou as ações recentes de transformação digital dos Portais de Serviços Digitais dos governos estaduais do Brasil e foi premiada na sexta-feira, dia 11, durante conferência online.

A pesquisa foi feita pelo GTD.GOV, grupo de trabalho formado por servidores públicos voluntários e mantido pela Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Tecnologia da Informação e Comunicação (ABEP-TIC) e pelo Conselho Nacional de Secretários de Estado da Administração (CONSAD). O grupo é responsável por essa e outras quatro pesquisas selecionadas. 

Tasso Lugon, presidente da ABEP-TIC, comenta que o reconhecimento do GTD.GOV no evento é uma forma de dar destaque à atuação e aos profissionais que compõem a comunidade de TI brasileira: “Essa premiação é importante, nos enche de orgulho e nos motiva ainda mais. Saber que estamos entre os melhores e somos referência como executivos de TI, nos destacando na liderança e inovação no setor, é algo que valoriza o trabalho que realizamos”, comenta. “Ser reconhecido externamente por meio de livre votação é uma satisfação enorme, principalmente quando levamos em consideração que o público é composto de profissionais altamente qualificados e exigentes.”

“A conquista de melhor pôster é um reconhecimento acadêmico de altíssimo nível”, comenta Thiago Ávila, membro do Núcleo Científico do GTD.GOV e doutorando em Administração Pública e Governo pela Fundação Getúlio Vargas, e um dos pesquisadores responsáveis pelos trabalhos. “Esse evento é organizado pelos melhores pesquisadores de governo digital do mundo e isso quer dizer que as pesquisas feitas pelo GTD.GOV são de alto nível e estão em patamar internacional.”

O evento, que aconteceu na semana passada, é organizado anualmente pela Digital Government Society (DGS) e teve como tema “Digital Innovations for Public Values: Inclusive Collaboration and Community”. O foco é apresentar, discutir e demonstrar pesquisas interdisciplinares sobre governo digital, engajamento cívico, inovação tecnológica, aplicações e prática. A cada ano, a conferência reúne os principais pesquisadores em Governo Digital do mundo e outros importantes pesquisadores reconhecidos pela natureza interdisciplinar e inovadora de seu trabalho, suas contribuições para a teoria e prática, seu foco em tópicos importantes e oportunos e a qualidade de suas pesquisas. 

A apresentação do trabalho premiado ocorreu na quinta-feira, dia 10. Além desse, outros três trabalhos foram apresentados: “Mobile Government in States: Exploratory Research on the Development of Mobile Apps by the Brazilian Subnational Government”, “Impacts of an Articulation Group for the Development of the Digital Government in the Brazilian Subnational Government" e “An Overview of On-Site Contact Centers in Subnational Governments in Brazil”.

“Essas pesquisas são consequência de um trabalho inovador feito pelo GTD.GOV e realmente é uma iniciativa que está dando resultados, seja no campo de impactar os governos, viabilizar financiamentos e criar conhecimento científico de alto nível reconhecido pelos maiores nomes da academia especializada em governo digital do mundo”, comenta Thiago. “É realmente uma grande satisfação.”

A participação do grupo na conferência foi de extrema importância para o país, como explica Ávila: “Este tipo de aceitação é muito importante, pois além de universalizar os avanços recentes do Governo Digital no Brasil, especialmente feito pelos Estados, proporciona visibilidade internacional para que instituições de cooperação, financiamento, pesquisadores internacionais e outros stakeholders relevantes no tema de Governo Digital tenham conhecimento dos avanços brasileiros na agenda e possam se motivar para futuras parcerias”.

As pesquisas aprovadas pelo dg.o 2021 tiveram a participação de Beatriz Lanza, Daniel Valoto, Eurico Matos, Gleycianne Araújo, Rodrigo Lara, Thiago Ávila e Yohanna Juk. Além disso, o GTD.GOV tem cooperado com pesquisas de instituições internacionais como a Universidade do Minho, a UNU-EGOV (Portugal) e a Universidade de Harvard (E.U.A).

"Ao publicar trabalhos científicos em eventos desta grandeza, o conhecimento produzido pelo GTD.GOV fica eternizado para que toda a comunidade interessada possa utilizá-lo para o desenvolvimento do Governo Digital”, comenta Thiago.

Os outros trabalhos apresentados foram na sexta-feira, dia 11. Um deles foi "Impacts of an articulation group for the development of the Digital Government in the Brazilian Subnational Government", que teve foco em investigar a importância do GTD.GOV, e de outros grupos articuladores, para influenciar a aceleração da transformação digital dos governos brasileiros.

Já o trabalho "Mobile Government in States: Exploratory Research on the Development of Mobile Apps by the Brazilian Subnational Government" avaliou a oferta de serviços digitais dos governos brasileiros através de aplicativos e super aplicativos (super apps), estimando a maturidade destes governos na oferta de serviços por meios digitais.

Tal participação do GTD.GOV traz destaque para o trabalho do grupo e promete conquistar bons resultados. “O impacto deverá ser de médio a longo prazo, mas ajuda a consolidar uma trajetória internacional que o GTD.GOV começou a trilhar em 2020, buscando apoios relevantes para acelerar a Transformação Digital dos governos subnacionais brasileiros”, finaliza Thiago.

O evento teve início nesta quarta-feira (09/06) e foi finalizado na sexta-feira (11/06) na Universidade de Nebraska em Omaha (Omaha, Nebraska) totalmente online, com a participação dos pesquisadores inscritos, representando mais de 30 países. Na trilha “Digital Transformation in Subnational Governments”, além das pesquisas brasileiras, foram discutidos também trabalhos da China e Noruega.